sexta-feira, 28 de novembro de 2014

Pôr do Sol no Pão de Açúcar



O Rio tem lugares lindos pra gente apreciar o pôr do sol e sem dúvida o Pão de Açúcar é um ponto de destaque. De lá temos uma vista 360ºC da cidade e um pôr do sol de tirar o fôlego.



Admirar a beleza de um pôr do sol expande a alma e quando se faz isso em família parece que essa expansão tem uma dimensão bem maior. Foi assim que nos sentimos nessa subida ao Pão de Açúcar que fizemos exclusivamente para apreciar esse espetáculo da natureza.

Lá do alto apreciamos a beleza da cidade que moramos e seus contornos.




Contemplamos a Praia de Copacabana com o sol se pondo atás da Pedra da Gávea.


Caminhamos pelas trilhas cheias de árvores e paramos nos diversos mirantes para observar outros ângulos. Logo ali, do outro lado da Baía de Guanabara está Niterói.


A Fortaleza São João na Urca com o aeroporto Santos Dumont e a Ponte Rio-Niterói.


A Enseada de Botafogo se iluminando com a proximidade da chegada da noite.


Toda essa beleza trouxe felicidade.


Inspirou harmonia.


Trouxe serenidade e luz pra alma.




Vale muito a pena o passeio ao Morro da Urca e Pão de Açúcar com as crianças, aqui eu já contei de outras vezes que fui com as meninas ainda pequenas.

Chegar até a Urca é fácil, o complicado é estacionar por lá. O ideal é ir de táxi ou com tempo e paciência para esperar uma vaga. Nesse dia nós demos sorte.
Os ingressos são comprados na entrada do bondinho e normalmente não te fila.
A subida de bondinho é rápida, o bonde tem capacidade para 74 pessoas que se acomodam com facilidade. Mas nem todos conseguem ficar coladinhos no vidro pra apreciar a vista linda da subida.
A primeira estação é no Morro da Urca que tem uma área bem extensa com bancos localizados estrategicamente, os dois bonde mais antigos pra contar um pouco da história dos 100 anos do bondinho, micos, área de alimentação com várias opções e acesso para a segunda estação.
Já na segunda estação, no Pão de Açúcar, a área é menor, mas com muito espaço para apreciar a vista de diversos ângulos, trilhas, mirantes com mesas e banquinhos, lojinha de souvenir e lanchonete.
A descida de retorno logo após o pôr do sol gera um fila que a princípio assusta, mas anda muito rápido. 




Informações úteis:
Bondinho do Pão de Açúcar
Endereço: Av. Pasteur, 520 – Urca, Rio de Janeiro, 22290-240, Brazil
Telefone: 21 2546-8400
Horário: diariamente das 8h-19h50
Preços: Adultos – R$ 53, De 6 a 21 anos – R$ 26 e Crianças menores de 6 anos – Grátis
Confira sempre os horários e preços antes de ir, eles podem mudar entre a minha visita e a sua.

terça-feira, 25 de novembro de 2014

Painel de Fotos Instax



A Ana Luiza e a Sofia adoram tirar fotos com a Fuji Instax e até já customizamos uma caixinha para guardar as tais fotos preciosas (AQUI).

Já tem um tempo que elas estavam querendo fazer painéis de fotos na parede do quarto delas. A Ana Luiza quer fazer no estilo varal e já estamos providenciando o material. A Sofia optou por um painel em formato de coração.

painel de fotos em formato de coração

Acontece que eu acha que fazer isso era algo do tipo difícil-dificílimo e acabava adiando. Até que na semana passada nos encorajamos e fizemos um trabalho em equipe e foi muito, mas muito mais fácil do que eu imaginava.

O que utilizamos:

- 1 folha de jornal;
- 1 tesoura;
- fita dupla face;
- 1 régua;
- fotos.

Como fizemos:

Para ter noção da arrumação das fotos na parede nós fizemos o molde do coração com o jornal. Isso ajuda a ter uma ideia do tamanho e da simetria das fotos.
Colocamos as fotos sobre o molde.


painel de fotos em formato de coração


Aí lá fui eu pra parede. Comecei pela parte superior do centro, o biquinho do coração.

painel de fotos em formato de coração

A Ana Luiza pega a fato uma por uma, colocava a fita dupla face no verso e a Sofia me passava. Fomos fazendo uma de cada lado para manter a simetria e eu contei com a ajuda da régua para garantir que as fotos opostas estariam na mesma altura.

painel de fotos em formato de coração

E assim fomos fazendo o contorno do coração.

painel de fotos em formato de coração

Para ter certeza de que iríamos consegui fechar, a partir do meio das laterais, eu recomecei pelo centro. Fizemos a linha central.

painel de fotos em formato de coração

Depois nós fechamos as laterias de baixo para cima.


painel de fotos em formato de coração

Contorno do coração feito! Agora é só ir completando o interior conforme for tirando algumas fotos.
Assim que estiver completo, e eu acho que não vai demorar muito, coloco a foto final aqui.

segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Cupcake de coco com abacaxi - sem gúten, sem lactose e com muito sabor


Uma amiga levou para o trabalho um bolo de coco sem glúten e sem lactose que estava maravilhoso. Ela me explicou como fez, eu gostei da ideia, adaptei uma receita que eu tinha e deu supercerto. Ficou muito saboroso, cheiroso e levinho.


O que utilizamos:

- 4 ovos orgânicos;
- 1 xícara de chá farinha de coco;
- 2 colheres de sopa de óleo de coco;
- 1/2 xícara de leite de coco caseiro (AQUI eu falo como fazer);
- 1/2 xícara de açúcar demerara;
- 1/2 xícara de farinha de castanhas (bati no liquidificador um punhado de castanha de caju com um punhado de castanha do pará);
- 3 fatias de abacaxi picadas;
- 10 nozes pecan picadas;
- coco ralado fresco que sobrou do leite de coco;
- 1 colher de chá de fermento em pó.


Como fizemos:

Batemos os ovos, o açúcar e óleo. Acrescentamos a farinha de coco e misturamos bem. Depois fomos colocando o leite de coco aos poucos e misturando. Acrescentamos a farinha de castanhas e misturamos mais um pouquinho. Colocamos o abacaxi, o coco ralados e as nozes, mistramos. Por último o fermento em pó. Aí foi só colocar nas forminhas.


cupcake de coco com abacaxi sem glúten e sem lactose

 levar pro forno pré-aquecido a 180ºC. Ficaram prontos em 25 minutos. Rendeu 11 bolinhos.

cupcake de coco com abacaxi sem glúten e sem lactose

E se deliciar.

cupcake de coco com abacaxi sem glúten e sem lactose

domingo, 23 de novembro de 2014

10 cardápios de almoço para 10 semanas


Assim que a Ana Luiza começou a introdução alimentar, começou a minha neura com cardápio. Na primeira etapa eu tinha planilhas dia a dia com os itens que eu utilizava nas papinhas doces e salgadas. A ideia era conseguir variar bastante os sabores. Ou seja, eu tinha cardápios de papinhas. Eu estava me lembrando disso hoje e resolvi procurar as tais planilhas, mas não encontrei. :(

Ma acabei encontrando 10 cardápios que foram da minha fase seguinte. Cansada de ter que pensar em cardápio toda semana, já sem criatividade e me sentindo repetitiva... o que fiz eu? Visitei creches me mostrando interessada em matricular a minha filha e entre as perguntas eu pedia para ver o cardápio deles. Normalmente eu era presenteada com o cardápio de uma semana. Saia eu lépida e faceira, feliz da vida e cheia de ideias. E numa dessas investidas uma creche me deu os cardápios de 10 semanas! Gente... isso mesmo!

Resolvi compartilhar esse achado. Trouxe apenas o almoço porque esse era o meu calo. Aqui em casa, normalmente, o jantar é um repeteco do almoço. E o café da manhã e o lanche são molezinha, né? Duro é pensar no almoço e jantar de todos os dias.

Aqui em casa eu sempre incluo uma salada verde.


Nessa primeira semana o diferencial ficou por conta da carne moída com agrião. Eu jamais teria pensado em fazer essa mistura.


Não rolou a sopa de alface por aqui. Mas agora... pode ser até uma ideia.


O cardápio da terceira semana foi útil pra me lembrar da existência da tal chicória e pensar nu purê de inhame. 


Já nessa quarta semana o quibe frito foi substituído por quibe assado. E couve-flor gratinada é tudo de bom, né? Já vou incluir no cardápio da semana aqui de casa essa couve-flor gratinada com creme de milho (clica no link pra ver a receita. Vale a pena). E geleia de mocotó nunca rolou por aqui não.


Abobrinhas cremosas, que raio é isso? Quando eu não sabia não procurava na internet porque não tinha essa facilidade toda, eu substituía. Raramente eu faço fritura aqui em casa e uso muito pouco a opção à milanesa. Mas de vez em quando eu faço esse frango empanado verde que é um sucesso. Pode clicar no link que você vai gostar.


O frango assado ou grelhado na laranja fica uma delícia. Outra opção é trocar a laranja por tangerina e até framboesa. 


A bertalha é outra que somente um cardápio feito por alguém pra me fazer lembrar da existência dela.


Olha que bom! Enquanto eu faço esse post já estou pensando nas novidades que vou colocar no cardápio dessa semana aqui em casa. Vai ter suflê de peixe! Esse eu nunca fiz e vou ali na internet pesquisar uma receita. Por aqui nuggets só se for caseiro.


Guisadinho é outro prato que eu nunca incluí no cardápio. 


Bom, pra essa semana eu já estou com o cardápio quase pronto e espero que essas dicas ajudem a vocês também.

PS: naquela época, que nem é tão distante assim, não tinha Facebook, nem blogs maternos pra ajudarem com sugestões e ideias. Por isso que eu acabei usando o método de visitar algumas creches. 

sábado, 22 de novembro de 2014

BC A Semana Post # 41


Mais uma semana com uma explosão de tarefas intercaladas por momentos que dão significado e a sensação de que a vida está sendo bem vivida.

- Começamos a fazer o painel de fotos no quarto da Sofia. Foi uma brincadeira produtiva que fizemos juntos e ao som de muita música da Banda do Mar. Muito gostosa a sensação de "feitos por nós".


- Fizemos um passeio ao Pão de Açúcar para ver o pôr do sol. Um passeio sem planejamento que surgiu de repente. Inesperado e inspirado. 


- Fiz um workshop do Seminários Insight que além de me dar a oportunidade de refletir sobre o que me faz bem, foi em um lugar lindo onde eu tive a oportunidade de contemplar o pôr do sol com vista para o mar de Copacabana e ainda contei com a companhia de uma amiga muito querida e especial.



- Me diverti com a brincadeira de ensaio fotográfico da Sofia e da Xina. E ainda presenciei vários momentos de amizade e companheirismo entre a Ana Luiza e a Sofia. Taí uma coisa que me deixa muito feliz, é ver as duas fazendo algo juntas, de mãos dadas, sendo carinhosas uma com a outra.


- Saí para comemorar com umas amigas, para dar apoio e ouvir outra e ainda para dar umas risadas com outras amigas.


- Admirei o paizão das minhas filhas porque encarar Forever 21 é pros fortes. Mas ele tira de letra e com a maior paciência. Sorte minha.


"Dizem que a vida é para quem sabe viver, mas ninguém nasce pronto. A vida é para quem é corajoso o suficiente para se arriscar e humilde bastante para aprender.".  Com isso em mente, entre um risco e outro eu procuro sempre aprender algo novo, valorizar cada momento e agradecer sempre.

Este post faz parte da Blogagem Coletiva "A Semana" proposta pela Fernanda Reali. Passe lá para ver como foi a semana das outras amigas participantes. Essa blogagem é um estímulo a aproveitarmos mais as nossas semanas.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
▲ Topo