quinta-feira, 18 de julho de 2019

Filme "Jornada da Vida"



Quando eu recebi o convite para a cabine de imprensa do filme "Jornada da Vida" e vi que tinha o Omar Sy como protagonista já tive certeza de que queria assistir. Nem quis saber da sinopse. Nem liguei para o título meio clichê que me fez achar que eu iria derramar lágrimas e mais lágrimas.



Vou te contar, o filme é lindo! Não é carregado de sentimentalismo, apesar de ser cheio de emoções.
E a escolha de Omar Sy para o papel principal parece até óbvia, dando até um toque de autobiografia: o ator francês de origem senegalesa incorpora um ator francês que vai ao Senegal, o país que seu avô deixou no meio do século XX para tentar a sorte na França, pela primeira vez para divulgar o seu livro,

Conta a história de Seydou Tall (Omar Sy) um ator franco-senegalês retorna ao seu país de origem para promover seu novo livro. Yao (Lionel Louis Basse), garoto de 13 anos estudioso, que gosta de ler, e mora em uma aldeia no Senegal, está determinado a encontrar o seu ícone para autografar o seu livro. Para realizar o seu sonho, mesmo que isso signifique faltar aula e ter a desaprovação dos pais, o menino encara a viagem. Ou melhor a aventura! Pega carona e encara, clandestinamente, uma viagem de trem de mais de 300 quilômetros para chegar da sua aldeia remota a Dakar.

A determinação de Yao encanta Seydou que recebe o menino muito bem. Ainda impressionado com  Yao, e sentindo a falta de seu próprio filho na França, Tall decide abrigar e proteger o jovem. Assim ele decide acompanhar Yao de volta à sua aldeia. 

É aí que começa um road movie intergeracional e transcultural, que se torna uma viagem de autodecobrimento e retorno as próprias raízes africanas para Tall.  

Enquanto seguem pela estrada passando por paisagens africanas, o ator famoso deixa o tempo passar sem pressa, se desconecta e vai aos poucos abrindo mão de influências europeias e absorvendo alegrias e simplicidades da cultura africana.

O que torna o filme leve é que mesmo mostrando questões das aldeias africanas, não fala das mazelas da miséria, como falta de educação, prostituição, criminalidade, etc. Pelo contrário. Mostra a alegria e o colorido de quem se mantém na sua cultura, mostra pessoas comuns que vivem vidas comuns em um contexto cultural particular.

O filme fala de amizade, de descobertas, da importância de conhecer e valorizar as  próprias raízes.

Sinopse: "Em seu vilarejo no norte do Senegal, Yao é um garoto de 13 anos de idade disposto a tudo para encontrar o seu herói: Seydou Tall, um famoso ator francês. Convidado a promover o seu novo livro em Dakar, Tall retorna ao país de origem pela primeira vez. Para realizar o seu sonho, o jovem Yao prepara uma fuga e atravessa 387 quilômetros sozinho até a capital. Comovido com este jovem, o ator decide fugir às obrigações e acompanhá-lo de volta à sua casa. No entanto, pelas estradas empoeiradas e incertas do Senegal, Tall compreende que ao se dirigir ao vilarejo do garoto, ele também parte ao encontro de suas raízes.".




Você pode me encontrar também
A Autora:
Chris Ferreira

Chris Ferreira

Eu, uma mãe integral mesmo trabalhando em horário comercial, que procura equilibrar os diferentes papéis da mulher com prioridades e alegria.

Acredito que podemos levar a vida a sério, mas de forma divertida e é isto que eu tento mostrar no blog.

Google +

20 comentários:

  1. eu ADORO esse ator, amei a indicação do filme, com certeza quero assistir

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Lívia, eu também gosto muito dele. É filme com ele e eu já quero assistir.
      beijos
      Chris

      Excluir
  2. Que legal.Deve ser ótimo!! bjs, chica e lindo fds!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Chica, eu gostei demais. Vejo novamente!
      Linda semana para você.
      beijos
      Chris

      Excluir
  3. Estou ansiosa pela estréia, mas por aqui onde moro por enquanto não tem previsão.
    A historia é linda, depois da tua resenha fiquei ainda com mais vontade de assistir.

    Bjinhos,
    www.prosaamiga.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Marisa, que bom te ver por aqui. Tomara que estreie logo na sua cidade.
      beijos
      Chris

      Excluir
  4. O filme parece ótimo, fiquei curiosa pra assistir.

    Bjokas da Vaci :*
    https://blogpapodeesmalte.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vaci, eu achei muito bom. Vou ver de novo. Hoje mesmo eu estava na pra e me lembrando de uma frase dita no filme.
      beijos
      Chris

      Excluir
  5. Parece ser um filme grandioso.
    Bom fim de semana!

    Jovem Jornalista
    Fanpage
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Emerson, é sim um filme muito bom. Eu gostei,
      beijos
      Chris

      Excluir
  6. h, really? It really seems very interesting! Great review!
    http://www.recklessdiary.ru

    ResponderExcluir
  7. Parece ser um filme maravilhoso.
    Beijos,
    www.lewestinblog.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Letícia, eu gostei bastante. Normalmente só posto aqui os filmes que eu gostei. Só postei um que não achei legal.
      beijos
      Chris

      Excluir
  8. Que demais Chris!
    Não conhecia o filme, mas pela capa e também pelo contexto cultural, achei super interessante, pelo que voce falou e um filme super agregador. Legal que não fica falando das misérias e sim o lado cultural, o que é difícil de encontrar hoje em dia, né?
    Beijocas da Pâm
    Blog Interrupted Dreamer

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oi Pâm, o que eu mais gostei foi desse olhar para a África sem ressaltar a miséria.
      beijos
      Chris
      Inventando com a Mamãe / Instagram  / Facebook

      Excluir
  9. Sempre quis participar de cabines de imprensa. Dá para ver filmes sensacionais. S2
    Bjks!

    Mundinho da Hanna

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Hanna, dá sim. E acabamos assistindo a filmes que não iríamos ver no cinema e nos surpreendendo.
      beijos
      Chris

      Excluir
  10. Parece ser lindo esse filme, fiquei super curiosa para assisti-lo

    Beijos
    www.pimentadeacucar.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Juliana, é bem lindo sim. E leve. Bom de assistir. Trata a questão do tempo muito bem.
      beijos
      Chris

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Pin It button on image hover
▲ Topo