sexta-feira, 5 de dezembro de 2014

Qual a hora certa para... fazer depilação em adolescentes


Um dia a nossa menininha linda chega pra gente e fala:

- Mãe, eu quero fazer depilação.

Mais uma vez a gente percebe que a nossa eterna criança está crescendo. Aquela que outro dia era um bebê, hoje já é uma pré-adolescente. A gente piscou e o tempo voou. Bate aquele susto e um monte de dúvidas.

Mas já está na hora de começar a fazer depilação?

Essa eu contei com a ajuda da pediatra que alertou para possíveis alergias, os cuidados com a higiene, com a escolha do local, de um profissional capacitado sendo de preferência uma esteticista ou pessoas com treinamentos comprovados e principalmente ser uma vontade da criança, e não uma imposição da mãe. Ela descartou completamente o uso do laser na adolescência.

Euzinha e blogueira Raka Minelli testando a cera e visitando as instalações da Pelo Zero

Aqui em casa os primeiros pelos que começaram a incomodar foram os da axila e isso aconteceu por volta dos 12 anos. Mais tarde, já por volta dos 14 anos os pelos das pernas começaram a chamar a atenção e então passaram a ser depilados. Depilação da sobrancelha e da virilha chegaram junto com as festinhas e as idas a praia com as amigas, isso já com 15 anos.

Primeiramente eu confirmei se ela realmente queria experimentar:

- ressaltei que ela é bonita de qualquer jeito,
- conversei pra saber o quanto os pelos a estavam incomodando e em que situações,
- verifiquei se ela acha que se sentiria mais confortável com as axilas lisas (essa foi a primeira parte a ser depilada)
- e claro, aproveitei pra contar como foi a primeira vez que eu me depilei. Na minha época (coisa de véia) era moda fazer o clareamento e as mulheres só depilavam as axilas. Clareavam até a virilha.

Em seguida nós avaliamos os métodos e experimentamos alguns até finalmente decidir pela cera.

Qual o melhor método de depilação para adolescentes?

Depois de conversar com a pediatra e me certificar que a idade já permitia alguns procedimentos depilatórios, eu já estava certa de que a melhor opção seria a depilação a cera, mas a minha adolescente estava com vergonha da depiladora. A princípio ela queria que eu fizesse a depilação nela. Apesar de existir produtos disponíveis em farmácias, o processo é agressivo, precisa ser feito da forma correta e eu não tenho prática nem habilidade com a cera, logo eu não me arrisquei nessa aventura. Então partimos para alguns experimentos:

  • Creme depilatório

Primeiro eu testei o produto em um pequena área, conforme orientação da pediatra, para garantir que não teria nenhuma reação alérgica. Feito isso fizemos o uso do creme nas axilas. Foi um momento de cumplicidade total.

Os cremes depilatórios são boas opções por não causarem dor e serem relativamente rápidos (sem considerar a bagunça que fizemos espalhando creme pelo chão, sujando toalhas, etc. no início)

A parte negativa é que eles não o extraem a raiz, apenas derretem o pelo, assim o crescimento é rápido e eu acho que engrossa.

  • Lâmina
Aproveitando que o pai tem várias (apesar que o ideal seria fazer uso das lâminas femininas), elas estão ali disponíveis no armário e o processo acaba sendo mais rápido do que os cremes, acabamos caindo na tentação de usá-las.

A lâmina é uma opção barata (principalmente se for usar a que o pai já comprou e ainda não usou), rápida e indolor (quando a gente não se corta).

A parte negativa é que elas não extraem o pelo pela raiz, engrossam, aceleram o crescimento e acabam gerando bolinhas e pequenas inflamações na pele. E é fundamental desinfetar a área antes de usá-las devido ao risco do corte. E o ideal é fazer o processo durante o banho quente porque os poros estão dilatados e usar algum creme que faça espuma (pode ser o creme de barbear do pai). O uso da lâmina agride um pouco a pele e é bom usar um creme hidratante após.

Atenção: a lâmina não pode ser compartilhada.

  • Aparelhos elétricos
Eu tenho em casa um aparelho meio antiguinho que eu uso em caso de emergência. A Ana Luiza me vendo utilizá-lo quis experimentar e então, eu fiz um teste em uma pequena área.

O aparelho tem as suas vantagens por ser prático, retiram o pelo pela raiz e não tem risco de corte. Os pelos demoram a crescer, não coçam, não gera irritações e encrava muito pouco ou quase nada.

A parte negativa é que dói um pouco (pra mim dói mais do que a depilação) e o processo é meio demorado. Talvez eu esteja precisando experimentar um aparelho mais moderno com opções para regiões específicas do corpo e que possa ser utilizado no banho.

Atenção: os aparelhos elétricos também não podem ser compartilhados, pois isso aumenta o risco de proliferação de bactérias e de doenças.

  • Cera
Depois de experimentarmos os métodos acima a Ana Luiza quis tentar a depilação a cera. Procurei um profissional capacitado e um local com ambiente limpo, arejado e higiênico, verifiquei a qualidade da cera, o modo de preparo e descarte. E claro fiquei dentro da sala com ela para que essa primeira depilação fosse uma experiência confortável e segura.

A vantagem é que o processo de crescimento do pelo é lento, não engrossa, é cômodo por ser feito fora de casa e ainda vira um programa de mãe e filha.

A desvantagem fica por conta de ser dolorido, mas me surpreendi com a Ana Luiza que achou que não dói nada (ah, a vaidade...). Optamos pela cera quente por dilatar os poros, facilitando a retirada dos pelos e reduzindo a sensação de dor.


Apesar do susto inicial de perceber que o tempo passou rápido e minha baby agora é teen, é muito gostoso estar ao lado dela durante essa transição, acompanhar essas descobertas, compartilhar das dúvidas, descobrir juntas uma alternativa, deixá-la a vontade pra conversar comigo e perceber que esse canal está aberto, ajudá-la a ficar mais segura e sentir-se bem consigo mesma.





A Autora:
Chris Ferreira

Chris Ferreira

Eu, uma mãe integral mesmo trabalhando em horário comercial, que procura equilibrar os diferentes papéis da mulher com prioridades e alegria.

Acredito que podemos levar a vida a sério, mas de forma divertida e é isto que eu tento mostrar no blog.

Google +

12 comentários:

  1. Chris, passa num instante, não é\??/ A minha nunca gostou de depilação. Bom saber disso tudo.

    Bjos,
    http://blogdmulheres.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Muito bom o post, teve todo cuidado...explicou para ela, enfim foi uma excelente mãe.
    Qdo tinha dez anos raspei a perna qdo sai do banho e minha mãe viu me deu uma surra kkkk
    não esqueci jamais mas ai ja tinha feito.....


    Os seguidores do Café entre amigos elegeram os melhores blogs de 2014, parabéns o seu está entre os vencedores. Convido com muito carinho para vi conferir o post e receber o selo especialmente criado para os eleitos.
    http://www.cafeentreamigos.com/2014/12/seguidores-do-cafe-entre-amigos-elegem.html

    ResponderExcluir
  3. Chris, sabe que nunca tinha parado para pensar sobre o assunto (já que a Maria tem 5 anos), mas sabe que parei para refletir e lembrar de quando eu comecei a depilar. Realmente é um programa mãe e filha.

    Bom final de semana

    ResponderExcluir
  4. Chris:
    Minha filha, quando tinha mais ou menos uns 14 anos, resolvou "depilar" a sombrancelha.
    Estávamos numa loja e de repente eu olho e vejo uma falha enorme no meio da sombrancelha.
    Vou olhar mais de perto e pergunto o que aconteceu.
    Ela me responde que como sua sombrancelha era grossa e bagunçada, resolveu arrumar...
    Ainda bem que cresceu sem maiores problemas, rsrsrsrs.
    Aproveito pra deixar meus PARABÉNS pelo selinho Xícara de Ouro que seu blog ganhou.
    Bjs.:
    Sil

    ResponderExcluir
  5. Chris:
    Foi muito bom a sua visita na Pelo Zero Depilação, assim você pode comprovar nosso trabalho, instalações e descarte de nosso material. Em nossas lojas, aconselhamos que as mães acompanhem sempre suas filhas, em todas a sessões de depilação. Obrigado,
    Andrea Krapp - Pelo Zero Depilação.

    ResponderExcluir
  6. Kita, é muito legal a Ana Luiza ter vc por perto nesses momentos importantes de mudanças.

    ResponderExcluir
  7. Chris adorei ... espero que ocorra assim comigo e com a minha filhota tbm, realmente tem muitas opções, o dificil é achar a mais adequada . beijoooos parabens por esse elo entre mãe e filha
    www.marianabeira.com

    ResponderExcluir
  8. Olá, adorei as dicas, até porque um dia vai passar pelo mesmo, e nunca tinha pensado em como conversar com a minha filha sobre isso quando chegar o momento adequado. Bjs
    http://desejoserperfeita.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. Chris lindona ótimas dicas , minha filha optou pelas laminas, mas em breve vou testar a depilação com cremes , Dura mais . beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  10. Amiga, vc sempre muito cuidadosa, atenciosa e dando um exemplo do que é exercer a maternidade de forma plena e responsável. Agora eu já sei o que fazer quando chegar a minha vez.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  11. Oi Chris. Gostaria de tirar algumas dúvidas c vc. Pesquisei em vários lugares e o seu post foi o melhor. Podemos conversar em particular?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, que legal que você chegou ao meu post. Podemos conversar sim. O e-mail é inventandomamae@yahoo.com.br. Você pode me mandar mensagem pela página no FB: https://www.facebook.com/InventandoComAMamae/?ref=bookmarks

      beijos
      Chris

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Pin It button on image hover
▲ Topo