domingo, 11 de agosto de 2019

Cinema - Quatro Estreias da Semana

Nesta semana, mais precisamente no dia oito de agosto, estrearam quatro filmes que eu tive a oportunidade de assistir previamente em cabines de imprensa ou festivais, entre outros.



Eu até pensei em fazer um post para cada um deles, mas realmente o tempo, essa coisa estranha que nem todos experimentam e percebem da mesma maneira, embolou para mim. Daí hoje que aparentemente o tempo sobrou ou simplesmente eu priorizei escrever no blog resolvi trazer aqui para o blog todos os filmes juntos e misturados em um único post.


"Retrato do Amor"


Um filme indiano gostoso de ver, em um ritmo mais lento, que traz um pouco da cultura indiana, mostrando o conflito entre a tradição e a modernidade, fala de como o amor pode surgir de forma inesperada. Uma comédia romântica com cara de realidade e toques de delicadeza.

A índia contemporânea em contraste com as tradições é mostrada através da história de Rafi, rapaz nascido e criado em uma aldeia e que vai a Mumbai com o objetivo único e exclusivo de ganhar dinheiro. Rafi tem como meta pagar uma dívida deixada por seu pai. Para isso trabalha intensamente como fotógrafo de rua e reserva praticamente tudo o que ganha se permitindo satisfazer a pequenos e poucos desejos como, por exemplo,saborear o Kulfi (um sorvete típico indiano ), apenas uma vez por mês.

Rafi, que divide quarto com outros amigos em Munbai, é pressionado pela avó e por todos ao seu redor a casar. O rapaz, porém, está firme em seu propósito de não desviar o foco de pagamento da dívida e só pensa em casar quando tiver uma situação financeira mais estabilizada.

Por causa da grande pressão de sua avó e para para satisfazer o seu desejo da senhora, ele envia a ela a foto de Miloni, uma tímida estranha, de olhos expressivos,  como se fosse sua noiva.

No outro lado da cidade Miloni vive uma realidade diferente, mas nem tanto, de Rafi. Moça de classe média que vive com os pais, passou em primeiro lugar no Vestibular, estuda Contabilidade e aparentemente pode fazer escolhas. Será que a tradição familiar indiana permite isso? 

Quando a avó de Rafi insiste em conhecê-la, ele aborda a jovem e pede que ela finja ser sua noiva.

Miloni de maneira impulsiva concorda com a proposta de Rafi. A partir daí os dois embarcam em uma inesperada aventura entre a tradição e a modernidade. Nessa mentira surge uma ajuda mútua e apesar das diferenças sociais os dois se percebem presos nas tradições, insatisfeitos com seus destinos previsíveis. 

Um filme muito delicado que trata de uma maneira muito verdadeira a questão do conflito interno que as pessoas vivem quando não conseguem ser quem realmente querem ser. E isso pode até acontecer mais fortemente em sociedades mais tradicionais, mas é uma questão universal. Rola em todos os cantos do mundo.

Sinopse: "Pressionado por sua família a se casar o mais rápido possível, um determinado fotógrafo de Mumbai convence uma tímida estranha a fingir ser a sua mulher durante algum tempo. Apesar da relutância, ela aceita a proposta e os dois desenvolvem um laço totalmente inesperado que os muda de maneiras antes inimagináveis.".


Quatro estreias de filmes na semana de agosto de 2019

"Não Mexa com Ela"


Filme que conta a história de Orna, uma mãe de de três filhos em que o marido Ofer acabou de abrir um restaurante. Nesse momento o dinheiro não está sendo suficiente para pagar todas as contas. Para ajudar na dificuldade financeira que a família está vivendo Orna resolve retornar ao mercado trabalho em uma construtora. A função de Orna neste novo emprego é  ser uma espécie de secretária executiva do arquiteto Benny. 

Desse ponto em diante, Orna precisa lidar com uma rotina na qual muitas mulheres no mundo vivem que é a tripla jornada de trabalho, equilibrando os papeis de mãe, profissional e esposa.

No papel de mãe e esposa Orna batalha contra a cobrança e diferenças em relação ao papel de pai e mãe, marido e mulher. Ofer, é do tipo de "pai que ajuda", como muitos ao redor do mundo. Orna passa por situações que muitas mães que trabalham fora também vivem, como quando a filha fica doente quem deve faltar ao trabalho é a mãe. Os filhos cobram e solicitam a presença e participação da mãe nas tarefas caseiras e escolares. Afinal, o pai precisa trabalhar e quem tem que dar conta dessa parte é a mãe. É mesmo? Que disse isso?

No papel de profissional Orna demonstra ser cada dia mais competente, assim como mãe e dona de casa, chegando a ser promovida. Porém essa busca por realização profissional em seu novo emprego traz outros problemas além dos que ocorrem na vida familiar. Orna passa a ser assediada pelo próprio chefe.

O filme mostra muito bem a sociedade israelense, porém os conflitos vividos por Orna fazem parte do universo feminino mundial. Justamente por isso cria uma identidade tão familiar. Justamente por isso gera um incômodo tão forte. Justamente por isso causa sentimentos de raiva, nojo e outros semelhantes. Justamente por isso é um filme tão importante de ser visto e debatido.

Sinopse: "Orna (Liron Ben Shlush) é mãe de três crianças pequenas que, ao perceber a dificuldade do marido em ganhar dinheiro com o restaurante recém-inaugurado, resolve voltar ao mercado de trabalho para ajudar a sustentar a família. Apesar de gostar de seu novo emprego e ser promovida rapidamente por suas competências, tentando conciliar a vida profissional com a pessoal, Orna começa a vivenciar o assédio sexual crescente de seu chefe. Quando seu mundo vem por água abaixo, ela deve se esforçar para lutar, sozinha e à sua própria maneira, para recuperar o trabalho e a autoestima.".


Quatro estreias de filmes na semana de agosto de 2019


"Fourteen"


Aborda a amizade entre duas mulheres que começou na escola. Apesar da grande diferença entre elas sendo Mara, mais introspectiva, e Jo mais impulsiva, durou ao longo dos anos. Ao mostrar essa década de amizade o filme vai falando do quanto essa relação pode ser complexa essa relação quando um dos lados apresenta instabilidade emocional e sofre com a depressão.

Enquanto Jo se torna cada vez mais disfuncional devido à doença, Mara, sua amiga mais estável, tenta ajudar de todas as maneiras que pode na maioria das vezes. Mas em outros momentos Mara precisa recuar, se afastar um pouco, não se envolver, para se preservar.

Através da história das duas amigas o longa mostra o quanto a depressão é difícil para quem a experimenta na própria pele. Mas mostra também o quanto afeta quem se relaciona com alguém que sofre com a doença. Traz a questão da importância do diagnóstico e tratamento correto para o doente, como da necessidade de orientação e apoio de quem está envolvido e é afetado mesmo que indiretamente.

O filme é mais lento, mas trata o assunto com muita sensibilidade. Um filme que não é tão fácil de assistir, mas muito importante. Por isso eu pensei em fazer um post exclusivo para ele, mas a Márcia do "Cine e Ilumine" fez um tão bom que vou deixar  o link aqui: "Fourteen". A Márcia trouxe inclusive informações adicionais da Organização Mundial da Saúde sobre depressão que leva ao suicídio.

Quatro estreias de filmes na semana de agosto de 2019

"Simonal"


Filme nacional apresentado no Festival do Rio que conta a história real do cantor brasileiro que tinha um carisma surpreendente, um swing único, e que dominou os palcos e a cena musical na época dos anos 70. Foi do sucesso meteórico, em que levantava e animava multidões em seus shows, a um cenário de rejeição e exclusão total. 

Vale a pena assistir ao filme para conhecer melhor a história desse carioca cheio charme, swing e talento, que teve um passado brilhante, importante não só para a música brasileira quanto também pela representatividade. Todo esse sucesso e potencial foi apagado por um simples boato. Vale a pena para ouvir as músicas e refletir sobre temas bem atuais como racismo, representatividae e o quanto uma fake new pode destruir a vida de uma ou mais pessoas.

No post que eu fiz sobre o filme em 2018 eu pedi mais responsabilidade ao divulgar qualquer coisa, pufavô! E continuo pedindo aqui. Eu estou naquela onda de que se eu pessoalmente não presenciei o fato, não compartilho. Tipo essa matéria que rolou na época do lançamento no festival de que brasileiros estavam vaiando as cenas do filme... Pode até ter sido publicada por algum veículo supostamente tradicional, mas se não aconteceu na sessão em que eu estava (e não aconteceu nem na minha, nem na de todas as pessoas que eu conheço e que assistiram ao filme na época do festival), não divulgo, não compartilho.

PS: essa na foto com o cartaz do filme "Simonal" é a minha amiga Márcia da página "Cine e Ilumine"

Quatro estreias de filmes na semana de agosto de 2019

Estamos muito acostumados com filmes americanos e assistir filmes de outras nacionalidades nos mostra um outro tempo, outras culturas, outros olhares para os mesmos temas. 



Você pode me encontrar também
A Autora:
Chris Ferreira

Chris Ferreira

Eu, uma mãe integral mesmo trabalhando em horário comercial, que procura equilibrar os diferentes papéis da mulher com prioridades e alegria.

Acredito que podemos levar a vida a sério, mas de forma divertida e é isto que eu tento mostrar no blog.

Google +

60 comentários:

  1. Gostei das dicas de cinema, Chris!
    Simonal, lembro muito bem dele pois eu era muito novinha, uma adolescente, na época dos anos de chumbo da ditadura militar no Brasil...na escola todo conteúdo passava pela censura, foi horrível.
    O filme vai resgatar esse excelente cantor, que na época diziam ser um "dedo duro" dos generais. Tomara mesmo que não tenha sido, porque geralmente onde há fumaça ha fogo...
    Beijos e obrigada pela visita carinhosa, boa semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sandra, eu conhecia muito pouco da história dele e achei que o filme retratou com muita verdade. Além de que as músicas são ótimas.
      beijos
      Chris

      Excluir
  2. Gostei das dicas de filmes, Chris.
    Assistir filmes de outros países é sempre bom e tem um tempo bem diferente dos que vem dos EUA.
    Sua resenha dos filmes foram tão boas, que eu assistiria todos eles.
    Bjus!

    galerafashion.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Adriana, eu acho ótimo assistir filmes de outros países. É uma ótima oportunidade para aprender mais sobre outras culturas.
      Temo que aproveitar agora que temos mais acesso, né?
      beijos
      Chris

      Excluir
  3. Oi, tudo bem?
    São todos ótimos filmes. Fiquei curiosa com a história de Não mexa com ela.

    Beijos
    Construindo Estante || Promoção de aniversário do blog

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Eliana, é um filme muito bom, do tipo necessário.
      beijos
      Chris

      Excluir
  4. great movie recommendations, thank you for sharing! Fourteen sounds really interesting.

    ResponderExcluir
  5. Estupendo post! Gracias por la visita! Buen día ! ♡♡♡

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carolina,
      um ótimo dia para você também.
      beijos
      Chris

      Excluir
  6. oi
    Eu tenho que lhe dizer que eu não vejo filmes, não tenho paciência kkkk
    Mas parecem ser boas sugestões!!
    xoxo

    marisasclosetblog.com

    ResponderExcluir
  7. Amei, quero assistir todos!

    Beijos,
    www.thalitamaia.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thalita, tomara que você consiga porque são mesmo filmes muito bons.
      beijos
      Chris

      Excluir
  8. adorei as indicações
    realmente ótimos filmes

    beijo
    Adoletas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada Mel. Que bom que você gostou.
      beijos
      Chris

      Excluir
  9. Oi, Chris!

    Gostei de conhecer um pouco mais sobre a história destes filmes. Achei todos interessantes...

    Abraços, Cris

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cristina, são sim bem interessantes. Que bom que você gostou.
      beijos
      Chris

      Excluir
  10. Que seleção de filmes mais incrível, Chris. Ainda não conhecia nenhum desses, mas já entraram para a minha lista!

    https://www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Kaila, eu gosto de trazer filmes um pouco diferentes daqueles muito populares no circuito. Que bom que você gostou.
      beijos
      Chris

      Excluir
  11. Adorei a resenha dos quatro filmes. Admiro muito o Simonal.
    Boa semana!

    O blog JOVEM JORNALISTA está em HIATUS DE INVERNO, de 20 de julho à 29 de agosto. Mas tem post novo. Nesse período comentaremos nos blogs amigos.

    Até mais, Emerson Garcia

    Jovem Jornalista
    Fanpage
    Instagram

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Emerson, eu gostei muito de conhecer a história dele.
      Um ótimo descanso para você.
      beijos
      Chris

      Excluir
  12. Oi, Chris!
    Eu vi o trailer do filme do Simonal e achei bem interessante...
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luiza, eu gostei muito do filme. Achei que a história foi contada com bastante verdade e gostei de conhecer mais sobre ele.
      beijos
      Chris

      Excluir
  13. Bem legal essas estreias! Faz tempo que eu não vou no cinema.

    https://www.biigthais.com/

    Beijoos ;*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Thais, eu gosto muito de ir ao cinema. Procuro ir sempre. Praticamente não consigo ficar muito tempo sem ir. Mas, por outro lado, tenho ficado um tempo sem ler.
      beijos
      Chris

      Excluir
  14. Nenhum desses filmes faz meu estilo, mas vc citou um indiano e lembrei que assisti um outro dia na Netflix chamado Loev. Foi meu primeiro filme indiano e gostei bastante.

    Beijos/Kisses.

    Anete Oliveira
    Blog Coisitas e Coisinhas
    Fanpage
    Instagram

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Anete, vou procurar esse Loev que você falou. Depois te conto se gostei.
      beijos
      Chris

      Excluir
  15. Fiquei curiosa em ver a história do Simonal.
    Big Beijos,
    Lulu on the sky

    ResponderExcluir
  16. Fiquei bem curiosa em todos os filmes, vamos ver se consigo assistir algum.

    Bjokas da Vaci :*
    http://blogpapodeesmalte.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Não conhecia esses filmes, mas Retrato do Amor e Simonal foram os que mais me chamaram a atenção!

    Beijo!
    Cores do Vício

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Pathy, eu gosto de trazer filmes diferentes que não são muito falados.
      beijos
      Chris

      Excluir
  18. sempre gosto mt das suas indicações de filmes, acho que temos o gosto bem parecido, com certeza quero ver Simonal e mais alguns desses

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  19. Amei seu artigo, estou acompanhando seu blog há alguns dias e posso dizer é estou adorando. Sempre tem conteúdo de qualidade com bastante dicas e informações interessantes!

    Parabéns!

    Meu Blog: Totolec Show Resultado

    ResponderExcluir
  20. Retrato do Amor tem uma premissa beeeem clichê, mas essa ideia de colocar tradição na história deixa ela com uma cara de nova. Já Não Mexa com Ela, só a capa já me proporcionou o sentimento de identificação, deve ser um filme necessário, algo para se refletir muito depois de assistir.
    Gostei de conhecer um pouco sobre todos os filmes, acho que cinema sempre nos dá certa experiência e agrega algo.
    Beijo, Blog Apenas Leite e Pimenta ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Leslie, cinema é mesmo uma ótima fonte de cultura e conhecimento.
      beijos
      Chris

      Excluir
  21. Gosto sempre de saber as novidades da semana, mas ainda estou querendo assistir velozes e furiosos que ainda não tive tempo para ir. Quero muito assistir porque sempre vou ao cinema e é algo que gosto muito.
    Beijocas.

    https://www.parafraseandocomvanessa.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Vanessa, eu também ainda não vi Velozes e Furiosos.
      beijos
      Chris

      Excluir
  22. Gostei demais das dicas de filmes, pena que eles não passam em todos os cinemas, fiquei com vontade de assistir vários

    Beijos
    https://www.pimentadeacucar.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Juliana, é... são filmes que vão para os circuitos sim, mas não são desses mais falados e que ficam em todas as salas. Alguns vão mais para os cinemas tidos como "cabeça".
      beijos
      Chris

      Excluir
  23. Oi Chris, não sabia de nenhum dos filmes que iam estrear. Ma assistiria Simonal.
    Bjks!

    Mundinho da Hanna

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Hanna, Simonal é uma ótima escolha. Conta a história dele e nos dá vontade de dançar.
      beijos
      Chris

      Excluir
  24. Respostas
    1. Oi JUh, são filme bem interessantes sim, no meu ponto de vista.
      beijos
      Chris

      Excluir
  25. Adorei as dicas, nossa, faz tempo que não vou ao cinema, talvez eu veja um desses filmes, achei a sinopse deles bem interessante.
    Beijos.
    Diário da Lady

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Lady, tomara que você aproceite a dica e se anime a ir ao cinema.
      beijos
      Chris

      Excluir
  26. Não conheço nenhum, mas gostei das sugestões! :) Beijinhos
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Inês, que bom que gostou. De repente é uma oportunidade para conhecer.
      beijos
      Chris

      Excluir
  27. Oi Chris!

    Que ótimas dicas, menina! Fiquei com uma vontade de assisti-los...
    Um bom final de semana pra ti!

    Abraços, Iris

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Iris, tomara que você consiga assistir algum.
      beijos
      Chris

      Excluir
  28. Interessante e uma pena que o universo feminino seja tão comum e transcende culturas- essa coisa da mulher ser assediada, infelizmente
    Mas é bom que dá um tapa na sociedade e demonstra que é importante falar sobre isso sim!
    Não conhecia os outros filmes e confesso que não os vi em cartaz, mas achei todos interessantes e levantam bandeiras importantes, né?
    Beijocas da Pâm
    Blog Interrupted Dreamer

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Pâm, é muito importante sim falar nesses assuntos de todas as formas.
      Sim, são filmes que trazem bandeiras importantes.
      beijos
      Chris

      Excluir
  29. Gostamos das estreias, o "Retrato de Amor" é um genêro que amamos assistir mas com a diferença que é indiano sempre assistimos as comédias românticas americanas, ficamos com muita vontade de assistir essa indiana!!

    beijos

    onlyinspirations.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O filme indiano tem outro tempo bem diferente dos filmes americanos. Eu gosto de assistir a filmes de outras nacionalidades justamente por isso.
      beijos
      Chris

      Excluir
  30. Really interesting selection! I'm so glad I went to your blog and found out about it)
    http://www.recklessdiary.ru/

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Pin It button on image hover
▲ Topo