terça-feira, 25 de fevereiro de 2020

Livro "Adulta Sim, Madura Nem Sempre"

Nas minhas andanças por aí eu gosto de entrar em livrarias. Gosto do ambiente e clima das livrarias. Algumas vezes eu passo pelo primeiro balcão com livros expostos e pego um aleatoriamente. Um que me chame a atenção por algum motivo. Seja pela cor da capa, pelo título, pelo autor, por já ter ouvido falar de dele, ou pelo conjunto da obra. O meu objetivo nessa hora é passar rapidamente e pegar o que realmente se destaca aos meus olhos naquele momento, sem grandes reflexões, sem uma escolha mais precisa.

Foi assim que me deparei com o livro "Adulta sim, madura nem sempre, de Camila Fremder.



E o que o fez esse livro saltar aos meus olhos diante de tantos outros? Foi o título. Sim, assim que vi o título pensei: preciso ler esse livro para ver se entendo melhor alguns comportamentos de algumas pessoas ao meu redor que insistem em não amadurecer.

Pois é, eu tão madura, já comecei a me identificar no prefácio. Sério? Por que esse povo não gosta mais de falar ao telefone?! É tão bom ouvir a voz do outro, ter uma conversa que flui, que vai do início ao fim desdo o Alô até o Tchau! Coisa chata esse de conversas pingadas entre áudios que podem ficar sem resposta, entrecortada entre textos com assuntos diferentes.


Para mim a transição para avida adulta foi acontecendo naturalmente sem grandes dramas existenciais. Não tive essa de que me tornar uma pessoa adulta é uma coisa um tanto complicada. E olha que eu saí do ensino médio para a faculdade com mudança de cidade, indo morar sem a família, tendo conta em banco e cuidando de mim. Como eu morava em cidade pequena desde sempre eu soube desse caminho. Sabia que ao terminar o ensino médio teria essa mudança aparentemente radical, porém já sabida, e por isso eu acho que não tive muitos questionamentos. Já estava encrustado em mim que isso aconteceria. 

Mas ao ler as crônicas bem-humoradas fui me identificando. Ah as sessões da tarde... muitas vezes, ao voltar do horário do almoço e iniciar o meu segundo turno no trabalho e senti saudades delas. Ficava pensando como era bom voltar da escola, tomar banho, almoçar o almoço pronto, fazer os deveres de casa e depois simplesmente me jogar no sofá e assistir ao filme do dia. Filme vistos e revistos várias vezes que depois eu ainda assisti com as filhas com a desculpa de mostrar para elas os filmes que eu gostava. 



Pensando bem... ou paginando mais... a vida adulta tem a seu romantismo, as aventuras que a liberdade financeira te permite, as comédias que as mesas dos bares revela, mas tem seus terrores também.


Ufa, dessa eu escapei! Não me reconheci como adulta. Não sou a fiscal da vizinhança. Pera aí... mas também não sou mais a vizinha pesadelo. Ou será que na minha adolescência eu fui uma vizinha pesadelo?


Minha filha me disse que queria ir ao Coachella. Coaaaaoquê? Justamente eu que era tão antenada. Sabia tudo de programação que rolava no Rio, tinha toda a programação das Micaretas e dos grandes festivais e shows que rolavam no mundo. E isso em épocas que para acessar essas informações era através de jornal impresso ou boca a boca. Nada de redes sociais...


O ponto alto do livro é a parte que fala sobre maternidade. E não é somente para quem é mãe. É para quem tem alguma amiga mãe, querendo ser mãe, quem quer ser mãe e para quem tem mãe. 



Mas para quem é mãe, a cada página virada, a cada novo parágrafo, nos identificamos com as reflexões da autora. Enquanto rimos dos relatos Camila, rimos de nós mesmas. Assim a leitura flui com facilidade e pensamos: eu poderia estar escrevendo isso.

Na minha versão da crônica "Reality Show" eu traria o dia em que meu marido abriu a porta e eu com a Ana Luiza nos braços o recebi com a seguinte pergunta: "você já cagou em paz hoje? Por que eu ainda não?".


Durantes suas crônicas autênticas a autora vai falando de amizade, amor, maternidade, vida financeira. Tudo com leveza e vai nos mostrando que podemos levar os confrontos e desafios da vida adulta com bom humor, descontração, aprendizado e ainda escrever um livro.


"Adulta sim, madura nem sempre" foi um leitura fluida, daqueles livros que comecei e não parei. Um livro que caiu nas minhas mãos para eu enxergar o outro e acabei me vendo. 


Sinopse: "A vida adulta chega de uma hora para outra e nem sempre estamos preparados para ela. E tudo bem. Um dia você é a jovem moderna que ouve música alta e incomoda a vizinha. Num piscar de olhos é você quem está interfonando para o porteiro e reclamando, aos berros, do som da garota que mora no andar de cima. O que aconteceu? Simples: a vida adulta chegou. Quer dizer, não tem nada de simples.Como Camila Fremder mostra neste seu novo livro, a vida adulta costuma chegar de uma hora para outra, sem avisar, sem um curso preparatório, sem nada. Ou pelo menos é assim que a gente se sente. E a consequência disso é muito estranhamento, reflexões e boas risadas. Saem de cena as noites agitadas e os dias sem grandes preocupações, sendo substituídos por fraldas (no caso de quem tem filho), boletos e muita paranoia com a aparência. Com observações perspicazes e bom humor, Camila nos ajuda a entender e aceitar melhor essa transição. Um livro que você não vai conseguir largar. A menos que o bebê acorde ou esteja na hora de você correr para o batente. ".



Você pode me encontrar também
A Autora:
Chris Ferreira

Chris Ferreira

Eu, uma mãe integral mesmo trabalhando em horário comercial, que procura equilibrar os diferentes papéis da mulher com prioridades e alegria.

Acredito que podemos levar a vida a sério, mas de forma divertida e é isto que eu tento mostrar no blog.

Google +

18 comentários:

  1. Também pra mim, saltou aos olhos o titulo! Muito legal e fiquei curiosa! Lindo resto de semana! bjs,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Chica, a autora do livro é nora da Rita Lee. Apenas uma curiosidade que eu soube depois de já ter lido.
      beijos
      Chris

      Excluir
  2. Super me identifiquei com a sinopse do livro e já quero ler. É exatamente assim que acontece né. Bjs

    ResponderExcluir
  3. Também amo ir em livrarias e passar meu tempo, preciso ler esse livro, me identifiquei com sua resenha e com certeza vou procurar ele na livraria

    Beijos
    www.pimentadeacucar.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Juliana, estou precisando fazer um rolezinho na livraria. Acho que farei isso hoje mesmo.
      beijos
      Chris

      Excluir
  4. O título desse livro é um resumo sobre a minha geração, haha. Nós somos adultos, mas nem sempre maduros, afinal, acredito que madureza vem mesmo apenas com experiência.
    Estava lendo sua resenha e li alto os "filmes de terror versão adulta", meu marido riu comigo por que nos identificamos, sei lá... acho que esse livro nos pega pela curiosidade para lê-lo justamente por que a gente se identifica com ele. Sem dúvida é um livro que está na minha wish.
    Beijo, Blog Apenas Leite e Pimenta ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Lesli, eu também ri bastante com a lista de filmes de terror. E me identifiquei com várias partes do livro. Gostei bastante dele,
      beijos
      Chris

      Excluir
  5. Deve ser bem interessante esse livro, até eu tenho atitudes que nem sempre são maduras.
    Big Beijos,
    Lulu on the sky

    ResponderExcluir
  6. Não conhecia esse livro, mas olha, parece ser bem interessante mesmo! Ser adulto não significa ser maduro. xD

    Beijo!
    Cores do Vício

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pathy, não significa mesmo. Tem muitos adultos mais imaturos do que alguns adolescentes.
      beijos
      Chris

      Excluir
  7. Gostei da resenha, também me identifiquei rsss!

    ResponderExcluir
  8. Amei sua resenha, impossível não se sentir atraída por esse livro só lendo a capa, rs. Fiquei doida para conhecer! ❤

    https://www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kaila, muito obrigada. Realmente ese título e essa capa atraem.
      beijos
      Chris

      Excluir
  9. Olá!
    Esse livro é perfeito, a leitura é fluida e muito divertida. Virou um dos meus favoritos da vida hahahahha
    Beijocas.


    https://www.parafraseandocomvanessa.com.br/

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Pin It button on image hover
▲ Topo