terça-feira, 15 de setembro de 2020

Filme Espírito de Família



Saudade de uma Cabine de Imprensa, né minha filha?! E como estou, nem conto. E por isso mesmo que fiquei bem feliz com a cabine digital da comédia francesa "Espírito de Família" (L'Esprit de Famille), que a A2 Filmes estreia no dia 17 de setembro, nas principais plataformas digitais.


Filme Espírito de Família



O longa mergulha de forma leve, um pouco fantasiosa, porém poética em uma família em recuperação pela perda de um ente querido. O processo de luto, a reconstrução da família após a perda, a falta de comunicação nas relações familiares focando mais no vínculo pai-filho, a crise no casamento são temas presentes no desenrolar da história. 

O filme conta a história de Alexandre (Guillaume de Tonquedec), um escritor focado no trabalho que vive imerso nos seus personagens esquecendo de cuidar das relações familiares próximas, como mulher, filho, pai, irmão. 

Em final de semana em família na bucólica costa bretã, em uma suntuosa casa familiar de venezianas vermelhas cobertas de hera, jardim amplo com mesa de madeira e árvores, onde todos estavam com o objetivo de aproveitarem a companhia uns dos outros, Alexandre quer apenas se concentrar no trabalho. Se refugia. Se afasta de todos para ter foco no que realmente importa para ele naquele momento. 

É aí que seu pai Jacques (François Berleand) parte repentina e inesperadamente. Após o choque da perda do pai Alexandre começa a ouvi-li e vê-lo por todo o tempo. No início Alexandre pensa que são alucinações temporárias, porém a situação se prolonga e começa a afetar a vida profissional e pessoal do escritor causando preocupação em sua mãe e familiares, que o veem falar sozinho o tempo todo.

Nesse confronto pós morte de pai e filho, Alexandre vai revendo seus valores, sua relação com o pai e o que isso o afeta no seu comportamento e relacionamentos até hoje, e na forma como é visto dentro da família.

Filme Espírito de Família




Em paralelo o filme vai mostrando nas demais subtramas que se cruzam por meio dessa história de luto que cada um tem uma forma de lidar e enfrentar a perda de forma diferente, seja  mãe, irmão, esposa, cunhada, filhos, . . 

Uma comédia agridoce sobre luto e relações familiares que se passa em um cenário bucólico, belíssimo que permite brincadeiras poéticas na praia  como velhas memórias de um verão em família que para falar de morte e perda convoca os mortos para lembrar os vivos de seguir em frente e desfrutar de sua existência.


Filme Espírito de Família


Com um elenco que ajuda muito (Guillaume de Tonquedec está absolutamente atraente), com cenas coloridas o filme se destaca pela leveza. Um drama fofo que nos faz refletir em como lidamos com nossas relações familiares, nas questões que deixamos para depois e depois pode ser tarde e em como somos vistos e percebidos pelas pessoas que nos cercam. Vale a pena


Filme Espírito de Família

Sinopse: Alexandre (Guillaume de Tonquedec) se confunde mais uma vez com seu pai, Jacques (François Berleand). A priori, não deveria, porque este acaba de morrer, mas Jacques, ou melhor, seu espírito, está ali, reclamando ao seu lado. E como Alexandre é o único que o vê e por isso fala com ele, a sua mãe (Josiane Balasko) e o seu irmão (Jérémy Lopez) começam a preocupar-se com o seu comportamento estranho "


Você pode me encontrar também

A Autora:
Chris Ferreira

Chris Ferreira

Eu, uma mãe integral mesmo trabalhando em horário comercial, que procura equilibrar os diferentes papéis da mulher com prioridades e alegria.

Acredito que podemos levar a vida a sério, mas de forma divertida e é isto que eu tento mostrar no blog.

Google +

18 comentários:

  1. Chris, já curti a premissa e amei o título. E é bem isso mesmo, né? Cada um tem uma forma de lidar com o luto e sente ele de diversas maneiras. Nunca tinha parado para pensar nisso direito e faz todo sentido. Ansiosa pela estreia. Dica anotada! ♥

    Beijos, Carol
    www.pequenajornalista.com

    ResponderExcluir
  2. Que legal deve ser. Tema interessante!A fotografia também parece ótima no filme! bjs, tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  3. Será decerto um filme muito sedutor de assistir.
    .
    Um dia feliz
    Abraço

    ResponderExcluir
  4. Achei interessante, mas não sei se assistiria.
    Estou bem devagar com filmes nenhum tem me chamado tanto a atenção para sentar e assistir, vi alguns poucos na netflix, mas não amei.
    Beijos!
    Pam Lepletier

    ResponderExcluir
  5. Gostei das lições que esse filme traz. Sem dúvida muita gente vai se identificar ao assisti-lo, afinal, nós vivemos dentro de relações familiares.
    Beijo, Blog Apenas Leite e Pimenta ♥

    ResponderExcluir
  6. Depois de eras menos boas, aí está de novo o cinema francês. Estou curiosa para ver.

    Beijinhos
    Coisas de Feltro

    ResponderExcluir
  7. Olá Chris,
    Adorei a sua dica de cinema francês.
    Big Beijos,
    Lulu on the sky

    ResponderExcluir
  8. Esse filme parece mesmo muito bacana, Chris. Ainda bem que já estreia amanhã, quero conferir.

    Beijo!
    Cores do Vício

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Confesso que pelo título eu não assistiria e pela capa também não, pela sua resenha eu gostei da história então estou bem dividida. Ainda não sei se vou assistir mas, gosto de filmes que nos trazem lições de vida importante.
    Beijocas.


    https://www.parafraseandocomvanessa.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Cheguei no momento perfeito, ando caçando esse tipo de filme, leve com tramas familiares, devido ao meu historico anterior os meus algorritmos não perceberam que mudei e não andam me satisfazendo ultimamente.....(risos)
    Gratidão pela dica
    Abraços

    ResponderExcluir
  11. Oi Chris,
    Favoritei o post para procurar o filme. Vc é a culpada de eu ter descoberto o cinema franc~es! rsrsrs
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Pela sinopse e resenha aprece ser um filme divertido e que faz refletir.

    Beijos/Kisses.



    Anete Oliveira

    Blog Coisitas e Coisinhas

    Fanpage

    Instagram

    ResponderExcluir
  13. Só pelo cenário do filme já fiquei com vontade de ver. Filmes que falam de relações familiares e lutos são sempre bem profundos para mim.
    Beijos,
    Mundo Perdido da Carol
    Instagram: @carolinsweet
    Fan Page

    ResponderExcluir
  14. Fiquei curiosa para ver esse filme! Já tomei nota aqui :) ♥

    ResponderExcluir
  15. Eu amo ver esses filmes mais levinhos. Esse já vou assistir no final de semana! <3

    https://www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  16. Oi Chris,
    Eu adoro dramas que focam em relações paternais, certeza que mexeria bastante comigo.
    Gosto do cinema francês, sempre com umas coisitas que eu gosto.
    Saudades assistir um filme lançamento, sem net tá osso. haha

    até mais,
    Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
  17. Já li várias resenhas desse filme. Vou ver se assisto.

    Bom fim de semana!

    Jovem Jornalista
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Pin It button on image hover
▲ Topo