segunda-feira, 23 de setembro de 2019

Risoto para Veganos e não Veganos



A minha filha mais nova, a Sofia, está vegana. Só ela na casa adotou essa linha de alimentação até o momento. Ter uma pessoa na família com a restrições alimentares traz algumas dificuldades no cardápio. Muitas vezes temos que ter opções diferenciadas, às vezes até mais de um cardápio para atender a todos. 

Uma alternativa de prato único que atende a esta situação com alguma facilidade é o risoto. E por sorte este é um dos pratos preferidos das minhas duas filhas: a vegana e a não vegana. 

Neste domingo, o tempo estava frio e chuvoso, pedindo aconchego e calor. Eu resolvi, então, fazer um risoto especial que atendesse a veganos e não veganos. Fizemos a seis mãos e ficou muito bom. 



O segredo de um bom risoto está no caldo. Por isso eu caprichei no caldo de legumes que preparei.


O que utilizamos:

- 2 1/2 litros de água;
- 1 talo de salsão;
- 2 talos de alho poró (somente a parte mais verde)
- 3 ramos de alecrim;
- 3 ramos de manjericão;
- 3 ramos salsinha;
- 3 dentes de alho;
- 3 cenouras;
- 3 folhas de louro;
- 1 cebola grande;
- 5 grãos de pimenta-do-reino;
- 1 pitada de sal.

Como fizemos:

Lavamos bem todos os legumes, especialmente as folhas de salsão.
Descascamos a cebola e cortamos em quatro partes. Cortamos a cenoura ao meio e novamente ao meio fazendo quatro partes. Dividimos o talo do salsão em pedaços de cerca de 5 cm. Descascamos os dentes de alho. Colocamos tudo em uma panela e levamos ao fogo algo até ferver. Abaixamos o fogo e deixamos cozinhar por aproximadamente 30 minutos. Desligamos o fogo, retiramos a cenoura para ser utilizado no risoto e reservamos o restante.

Iniciamos então os preparativos para o risoto.

O que utilizamos:

- 2 xícaras de arroz arbóreo;
- 1 1/2 litro de caldo de legumes caseiro;
- 2 cebolas médias picada;
- 60 g de manteiga vegana sem sal;
- 150 ml de vinho branco seco (verificada a não utilização de itens animais na clarificação);
- 20 ml de azeite extra virgem;
- 2 cenouras médias cortadas em quadradinhos (aquelas do caldo de legumes);
- 150 g de vagem picada;
- 1 bandeja de cogumelos Portobello picados;
- 1 pimentão;
- 2 talos de alho poró corta em fatias finas;
- sal e pimenta a gosto;
- 200 g de queijo parmesão ralado para a porção não vegana;
- 1 colher de sopa de tofu cream para a porção vegana.

Como fizemos:

Picamos a cenoura retirada do caldo de legumes. Cozinhamos levemente a vagem picada na água e sal. Resevamos.

Retiramos as sementes do pimentão. Cortamos em oito fatias e levamos ao forno para assar em uma bandeja com azeite e alho.

Enquanto o pimentão assava no forno, refogamos os cogumelos picados com um fio de azeite, uma colher de sopa de manteiga vegana (utilizamos uma com limão e coentro) e uma cebola picada. Reservamos.


Com todos os itens que iriam no risoto preparados e reservado (cenoura, vagem, cogumelos e pimentão) iniciamos o risoto em si.

Em uma frigideira de borda bem alta colocamos uma colher de azeite, 30 g (1 colher de sopa) de manteiga vegana, uma cebola picada e deixamos "chorar”. Acrescentamos o olho poró fatiado e deixamos refogar mais um pouco. Adicionamos o arroz e misturamos até os grãos ficarem brilhando. Colocamos o vinho, sempre mexendo, e deixei apurar. Assim que o arroz ficou quase seco começamos a adicionar o caldo de legumes com uma concha e passando pela peneira. Fomos colocando duas conchas de caldo de legumes por vez sempre misturando. Assim que começava a secar adicionávamos mais duas conchas. Repetimos esse processo por 20 minutos.



Gente, eu não sabia que esse buraco no cabo das panelas era para apoiar a colher ou pá enquanto não são utilizadas. Juro?! Não sabia mesmo. A minha filha que me ensinou isso enquanto fazíamos esse risoto.

No final do cozimento, aproximadamente 20 minutos após o início do processo, quando o arroz atingiu o ponto ideal, acrescentamos a vagem, os cogumelos, e desligamos o fogo. Adicionamos a cenoura com o fogo desligado, pois ela já estava bem cozida. Separamos em duas porções: a que se manteria vegana e a que a partir daí deixaria de ser vegana. 

Na porção vegana adicionamos a colher de tofu cream e misturamos. Na porção não vegana colocamos o queijo parmesão ralado e misturamos bem. Servimos nos pratos e finalizamo com as fatias de pimentão e uma folhinha de hortelã.





Outras receitas de risoto já testadas e aprovadas:

A Autora:
Chris Ferreira

Chris Ferreira

Eu, uma mãe integral mesmo trabalhando em horário comercial, que procura equilibrar os diferentes papéis da mulher com prioridades e alegria.

Acredito que podemos levar a vida a sério, mas de forma divertida e é isto que eu tento mostrar no blog.

Google +

34 comentários:

  1. Aqui adoramos risoto e essa agrada a todos ! valeu! Bem mostrado e explicado! bjs, ótima primavera! chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Chica, risoto é bom demais. Eu adoro. Aqui me casa todos gostam.
      beijos
      Chris

      Excluir
  2. Chris eu amo risoto! Aqui em casa eles não gostam mas eu amo. Beijinhos ❤️

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI MOna, aqui em casa todos gostam. Isso facilita muito porque é um prato único que atende a todos.
      beijos
      Chris

      Excluir
  3. Fiquei com água na boca com esse risoto, Chris. Acredita que nunca comi? Quero tentar fazer! ❤

    https://www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Kaila, então corre para experimentar. Risoto é um prato único muito bom. E depois que a gente aprende a fazer é que vê como é prático.
      beijos
      Chris

      Excluir
  4. Que delícia. Amo risoto.
    Boa semana!

    O blog JOVEM JORNALISTA retornou do HIATUS DE INVERNO com posts interessantes.

    Até mais, Emerson Garcia

    Jovem Jornalista
    Fanpage
    Instagram

    ResponderExcluir
  5. It makes me hungry.
    Delicious!

    Thank you for recipe
    Hugs

    ResponderExcluir
  6. Adoro risotto e esse parece óptimo! :) Beijinhos
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderExcluir
  7. Oie,
    O prato ficou muito bonito. Gostei da receita.
    Também não sabia que o buraco no cabo da panela servia para isso hahaha
    Apesar que quando estamos com várias panelas no fogão torna-se pouco prático.
    Beeijo!!

    Grazy Carneiro
    Meus Antídotos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Grazy, vivendo e aprendendo, né? Também acho pouco prático quando tempos várias panelas e acho que dependendo do peso da panela pode até virar.
      beijos
      Chris

      Excluir
  8. Sabia disso do cabo da panela mas nunca usei assim, kkkkk. O que não sabia era da existência de manteiga vegana, por aqui nunca vi. Esse risoto ficou bem bonito e deve ter ficado delicioso.

    Beijos/Kisses.

    Anete Oliveira
    Blog Coisitas e Coisinhas
    Fanpage
    Instagram

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Anete, eu aprendi com a minha filha. Ontem mesmo estávamos fazendo um outro prato e ela fez uso do artifício. Eu também não tinha experimentado uma manteiga vegana saborosa. Ainda bem que achei essa porque faz bastante diferença nas receitas.
      beijos
      CHris

      Excluir
  9. Oi Chris, me deu água na boca aqui ein :P

    obs. também não sabia dessa do cabo :O

    Bjokas da Vaci :*
    https://blogpapodeesmalte.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Olá querida! Adorei a receita e vou experimentar sem sombra de dúvida! Segui o teu blog, queria convidar-te a visitar e a seguir de volta o meu <3

    pimentamaisdoce.blogspot.pt

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Marta, já estou no seu blog. Adorei os seus posts.
      beijos
      Chris

      Excluir
  11. Olá, a receita do seu risoto parece ser bem saborosa.

    Puxa, eu também não sabia que o buraco no cabo da panela era para essa finalidade, estamos sempre aprendendo.
    Um abraço
    Sônia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Sônia, estamos sim sempre aprendendo com que está ao nosso redor. Sejam mais novos, sejam mais velhos, o importante é trocarmos experiências.
      beijos
      Chris

      Excluir
  12. Ai que demais, amei!

    Beijos,
    www.thalitamaia.com

    ResponderExcluir
  13. Estou apaixonada pela receita, vou fazer essa semana. Só preciso sair e achar o salsão, gostei demais da receita a única coisa que não utilizo aí é o queijo e a manteiga mas, te conto como ficou o meu. por favor mais receitas veganas.
    Depois procura torta de legumes veg e bolo de cenoura feita com farinha de arroz, fica uma delícia.
    Beijocas.

    https://www.parafraseandocomvanessa.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vanessa, muito obrigada pelas dicas. Vou sim procurar as receitas indicadas.
      beijos
      Chris

      Excluir
  14. Aqui nós também temos restrições alimentares e como tanto eu, quanto o meu marido cozinhamos, a gente sempre respeita o gosto e a restrição de cada um.
    Sobre o buraco do pegador da panela, também descobri a pouco tempo que ele serve para colocar talher, haha.
    Amei a receita, me deu água na boa. Ahh, e fiquei curiosa, como vc lavou o Salsão? Ele é bem delicado né?!
    Beijo, Blog Apenas Leite e Pimenta ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Leslia, é importante respeitarmos as nossas restrições sim e aprendermos com elas. Estou impressionada como muita gente não sabe para que serve esse buraco. kkk.
      Lavei o salsão com água mesmo. Fui tirando cada folha e esfregando com os dedos e água.
      beijos
      Chris

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Pin It button on image hover
▲ Topo