segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Como ajudei na alfabetização das minhas filhas

É gratificante demais ver as minhas filhas crescendo, acompanhar o desenvolvimento delas e contribuir o máximo que posso. A fase da alfabetização é uma emoção à parte. Presenciar a conquista da leitura foi ver as minhas filhas abrindo as portas para o mundo. Foi vivenciar um grande passo rumo à independência.

Posso dizer que a passagem pela alfabetização foi tranquila aqui em casa. A Ana Luiza e a Sofia tiveram os seus momentos de dificuldades sim, mas com respeito ao ritmo de cada uma, alinhamento com a escola e apoio em casa aproveitamos bastante essa etapa.


Algumas ações que fizemos para facilitar e ajudar no processo de alfabetização:

1 - Alinhamento com o método utilizado pela escola.
     Procurei estar próxima a escola e sempre me informando sobre o método e o conteúdo que estava sendo apresentado. O objetivo era acompanhar em casa sem acelerar nenhum conteúdo e muito menos apresentá-lo de forma diferente. Quis saber qual o tipo de letra seria utilizado no processo de alfabetização. Fiz um quadro em casa e assim todos que fossem escrever alguma coisa para as meninas, nessa época, deveriam utilizar as letras específicas.

Letras utilizadas no primeiro semestre

Letras utilizadas no segundo semestre (para escrever de mãozinha dada)

Letras da Sofia (para escrever de mãozinha dada)

2 - Com essas letras começamos a deixar muitos bilhetes, cartinhas para o coelho, para o Dia das Crianças, convites de aniversário, convites para lanches em casa, receitas, etc... Deixamos bilhetes no espelho, na geladeira, em cima da mesa, por todo lugar. Aliás, a primeira frase que as duas aprenderam a escrever foi: Te Amo.


3 - Disponibilizei um caderninho/agenda para elas anotarem os nomes das amigas e telefones. Isso faz um sucesso enorme entre as meninas. Elas adoram fazer desenhos e recadinhos umas para as outras. No final do ano o caderninho está com todas as folhas preenchidas e podemos perceber a evolução.  Pena que não guardei o caderninho da Ana Luiza


4 - Pedi para a professora informar periodicamente (uma vez por mês) as sílabas que já tinham sido trabalhadas em sala de aula. Eu fazia o acompanhamento pelos deveres de casa, mas, de qualquer forma, me certificava com a lista da professora. Assim eu oferecia para as meninas lerem os livros com as sílabas que elas já conheciam. Isso facilitava a leitura e elas ficavam empolgadas por estarem lendo bem. Os livros infantis que se encaixam bem para a alfabetização e que eu usei aqui foram:


Coleção Mico Maneco da Ana Maria Machado e Claudius
Coleção Estrelinha da Sonia Junqueira
Coleção Gato e Rato da Mary França e Eliardo França
Coleção Pingos da Mary França e Eliardo França

Falei deles nesse post AQUI.

5 - Usei muitos jogos como apoio. Tantos os jogos feitos em casa, quanto os jogos educativos que existem no mercado e que são próprios para o processo de alfabetização. Falei deles no post Jogo dos Pedacinhos.

6 - Lemos muito e lemos tudo. Contei muita historinha, lemos os rótulos das embalagens, o que víamos pela rua, na TV, etc...

7 - Com a Ana Luiza nós fizemos os nossos próprios livros. Já a Sofia não teve esse interesse, ela preferiu ler os livros feitos pela irmã. E claro que o tempo e o ritmo dela foram respeitados.

8 - Acompanhei os deveres de casa, vibrei com cada conquista e incentivei em cada dificuldade.

Hoje fico toda orgulhosa de ver que passamos bem por essa etapa e espero que isso seja um diferencial para as próximas fases.
A Autora:
Chris Ferreira

Chris Ferreira

Eu, uma mãe integral mesmo trabalhando em horário comercial, que procura equilibrar os diferentes papéis da mulher com prioridades e alegria.

Acredito que podemos levar a vida a sério, mas de forma divertida e é isto que eu tento mostrar no blog.

Google +

38 comentários:

  1. Ai Chris como sempre eu amando suas dicas!!! Acho muito legal essa forma de unir a escola e a família!! Admiro a sua forma de valorizar a individualidade das meninas... Com certeza quando chegar a alfabetização aqui em casa, vou lembrar desses posts!! uma coisa que me ajudou bastante na minha época foi gibi, eu amava e lia muitos por dia, achava o máximo entender tudo sozinha! Bjs!

    ResponderExcluir
  2. Sabe, minha pequena também começou a ler faz pouco meses. Aqui em casa o incentivo vem de todos, da familia, dos avós e nós mesmos. Aqui em casa, colocamos nomes em tudo, cadeiras, mesas, portas, janelas, bonecas, berço do irmão em tudo. Ela gosta muito de historinhas, de ler e de ouvir. Sempre que posso, conto pra ela e sinto que ela interage muito bem com a situação. Adoro.
    Beijos
    Mona
    http://omundodamona.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Oi Chris... Amei o seu empenho com as duas meninas e o respeito que teve pelo empenho e incentivo de cada uma..adorei voce como mae auxiliar de aprendizagem :)
    Beijoo

    ResponderExcluir
  4. Muito legal as sua dicas, Chris !
    Com certeza vai ajudar muitas mamãs que estão passando essa fase. Deve mesmo ser maravilhoso ver o filho aprender a ler e escrever. Um grande abraço

    ResponderExcluir
  5. Oi Chris obrigada pela dica e espero conseguir acompanhar o Daniel nesse processo, ele ainda não esta na escolinha mas já ensino ele a contar a reconhecer os números e algumas letras ele já reconhece não sei se estou no caminho certo mas faço o possível.

    Bjssssssssssssssssssssssss, Dani.

    ResponderExcluir
  6. Chris adoro passar aqui.. Sempre tem dicas que muito construtivas.. :)
    Muito legal... Eu sou uma rata de leitura.. leio até bula de remédio..placa de estrada... Nada passa....kkkkkkkkkkkk
    Vou incentivar a minha filha também...

    Beijocas
    Carol

    ResponderExcluir
  7. Eu tb sempre amo suas dicas, Chris!
    Muito legal saber como foi o processo de alfabetização aí com as meninas. Achei muito legal o quadro das letras. O Lucas tb associa as letras aos desenhos, como funciona bem né?!

    Mas ele ainda não consegue ler e ainda se confunde bte...

    Achei uma fofura as letrinhas das meninas! Parabéns pelas iniciativas criativas. Vou pesquisar sobre esses livros, obriguada pelas dicas ;)

    Beijocas
    E bom feriadinho para vcs :)

    Ju

    ResponderExcluir
  8. Mto interessante saber de toda a sua dedicação com suas filhas.
    São mães assim que fazem a diferença.
    Bjs♥

    ResponderExcluir
  9. Ai Chris,

    Amei as dicas... a Ingrid levá-la para casa umas tarefinhas para fazer com os pais, e eu fazia com ela.

    Mas sua dedicação ao ensino das suas filhas, é simplesmente lindo

    Beijos

    ResponderExcluir
  10. ah, quanta riqueza, Chris!

    Fiquei tão emocionada com este post, pois imaginei a sua dedicação e a troca, principalmente, do amor.
    beijos muitos felizes!
    Elaine Cunha
    www.caminhandocontando.com

    ResponderExcluir
  11. Que lindo Cris. Como é difícil hoje ver uma família e principalmente uma mãe que se importe com o que seus filhos andam aprendendo na escola. Tenho certeza que isso fará a diferença na vida delas!
    Prabéns!

    ResponderExcluir
  12. Oi Chris!

    Eu ando bem sumida daqui, né? Daqui e de quase todos os blogs...
    :-(

    Só passei para agradecer o comentário e as orações!
    E dizer que aquelas pessoas são de uma família que acabou de perder o caçulinha, Heitor, de 1 aninho recém completado.

    Um beijo carinhoso!

    ResponderExcluir
  13. Adorei seu empenho,eu também fiz algumas coisas mas sem sobrecarregar minha filha. Como ela tinha a agenda da escola, eu procurava colocar sempre um recado no dia em que vistava as atividades e ela me respondia no dia seguinte. Se queria leva-la a biblioteca publica aos sábados eu colocava na agenda um convite escrito, e ela me respondia na agenda também.
    Foi muito divertida esse fase, eu estava na semana passada lendo a agenda e vendo esses recados foi magico.

    Abraços

    ResponderExcluir
  14. Adorei suas dicas! Me emociono com essa dedicação e espero conseguir fazer algo semelhante aqui em casa.

    Beijos
    Syl
    http://minhacasinhafeliz.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  15. Chris sempre fico muito feliz ao ler suas postagens, principalmente essas relacionadas a educacao, seus relatos de acompanhamento/ dedicacao/ estimulo e respeito ao ritmo das meninas.
    E como professora digo tranquilamente, isso faz uma diferenca enorme. Poder contar com a ajuda dos pais, nao tem preco.
    Parabens mais uma vez, a voce e seu marido por ter aceito essa missao (maternidade/ paternidade) e estar realizando-a com tanta dedicacao.
    Certeza que as meninas tem muito orgulho de voces.
    Abracos e otima semana
    Gra
    * Chris passei para lhe avisar tambem, que atualizei o post de ontem 14/11, mostrando como colocar as paginas logo abaixo do cabecalho; qualquer duvida e' so' perguntar ta?

    ResponderExcluir
  16. Acho muito gostoso criança aprendendo a ler e escrever. Não tenho filhos ainda, mas acompanhei a alfabetização de uma priminha e adorava quando pedia para lhe ensinar a escrever os nomes das coisas.
    Minha mãe me ensinou a ler em casa, porque eu gostava muito de gibis da da Turma da Mônica. Até os professores da escola se surpreenderam com isso.
    Acho muito legal criança curiosa, e mais legal ainda são pais que incentivam a curiosidade. Acredito que assim se aprende muito mais rápido.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  17. Adorei as dicas e daqui a pouco o Arthur chega nessa fase.A Bia utilizou um método bem parecido com esse que vc mostrou.Bjs

    ResponderExcluir
  18. Chris, adorei o post. Essa fase é muito gostosa e dá um baita orgulho quando elas nos surpreendem lendo suas primeiras frases!
    Suas indicações de livros para essa fase são ótimas: compramos vários do Mico Maneco e é sucesso aqui em casa!
    Bjo
    Pri

    ResponderExcluir
  19. Muitos boas e inspiradoras tuas idéias e experiências. Há muitas mães que querem participar também mas não sabem bem por onde começar, e ver testemunhos assim é uma maneira maravilhsoa de promover esse aprendizado insubstituível que o apoio materno pode dar. Beijos!

    ResponderExcluir
  20. Obrigada pela visita no blog!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  21. Certamente fará diferença.
    Tudo que tem amor envolvido rende mais, fica melhor, dura mais... rs
    Vou lembrar deste post quando a Mi entrar nesta fase, aí eu volto para ler novamente, e de novo, e mais uma vez.
    bju, bju

    ResponderExcluir
  22. Nossa Chris, amei o post e amei a dedicação..ja ate guardei o link do post nos meus favoritos para eu colocar essas dicas em praticas daqui a alguns anos. Bjs

    ResponderExcluir
  23. Oi Chris, amei as dicas e como meu filho está na fase das vogais, vc acha que devo fazer um cartas com as vogais dos jeito que a maõzinha escreve ou com as duas opções de letra já??? Cris
    http://olhopreguicoso.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  24. Muito boa suas dicas, muito obrigada pela visita viu, depois volta lá pra participar da troquinha de cartões...bjinhos pra vc!!

    ResponderExcluir
  25. Vc acompanha tudo de pertinho!!! Super certo!!!
    Muito importante isso para elas.
    bjocas
    Dani

    ResponderExcluir
  26. AMEI as idéias, vou adotá-las com Dudu.

    bjos,

    maededudu.blospot.com

    ResponderExcluir
  27. q lçindo o cuidado q vc teve e tem com o aprendizado delas! o incentivo em casa é super importante!
    e vc nao vai acreditar: eu tb tive os livrinhos do mico maneco, kkk. q recordação vc me trouxe, hein?! adoreiii!
    bjs

    ResponderExcluir
  28. Isso é tudo que uma alfabetizadora adora ver!!!!!

    Amei!!!!

    Parabéns, também farei assim com o Davi e sempre fazia com os alunos....

    bjocas

    ResponderExcluir
  29. Chris, voltei, rs.

    Há o nome do livro é Lições de princesa.

    É muito legal
    Beijos

    ResponderExcluir
  30. Chris.Que coisa linda!!
    Estou nessa fase com meu pimpolho.
    Ah! Te linkei lá no blog, tá? Obrigada pela sua visita e participação. Beijocas
    http://maceiodascriancas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  31. quanta dedicação ... isso sim é super mãe !!! bom eu já estou fazendo um arquivo com TODAS as dicas que leio de todas as mamães blogueiras pq quando chegar a minha vez tanto no desfralde como na alfabetização como em varias etapas da vida da minha pimpolhinha eu ja encurto o caminho com taticas que deram super certo assim como esta sua né !!! OBRIGADA

    beijos

    ResponderExcluir
  32. Oi Chris!
    Que coisa mais fofa a letrinha da tua pequena!
    O Meu filhote tem 7 anos e tá achando bem difícil escrever as letras emendadas... tem que ter paciência senão escreve tudo de qualquer jeito! rs
    beijoo e obrigada pelo seu carinho lá no blog!

    ResponderExcluir
  33. Muito bacana isso Chris! Logo, logo o Dudu vai para a escolinha e com certeza vou lembrar das dicas...
    Obrigada pela dica e também pela visita no blog!
    Beijinhos!!!
    Ju

    ResponderExcluir
  34. É muito bom ver uma mãe tão empenhada na educação das filhas como você!

    Beijos!

    Lívia.

    ResponderExcluir
  35. Chris, simplesmente me apaixonei por esta postagem. Poderia me autorizar a publicá-la na Educação em Foco? Com os devidos créditos, é claro. Tenho um espaço lá que posto os posts de colaboradores, mas no seu caso, gostaria eu mesma de indicar. Diz que sim!!! rsrsrs
    Mega abraços! Genis ♥

    ResponderExcluir
  36. Ah Chris, como é bom passar aqui e ver a maneira como vc lida com suas filhas, seu incentivo, a maneira como vc respeita o jeito de cada uma, parabéns!
    Bjos, Lú.

    ResponderExcluir
  37. Eu me lembro bem de comovocê me ajudou também na minha alfabetização. Você é a melhor irmãe do mundo.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
▲ Topo